Subscribe:

Pages

SST UGT

Loading...

quarta-feira, 18 de julho de 2012


Portugal: Questionário EWCO sobre Uso de Álcool / Drogas no Trabalho


Fontes de informação relacionadas com o uso/abuso  de álcool e drogas no local de trabalho a nível nacional e sua relação com as condições de trabalho

Em Portugal, lamentavelmente, não dispomos de dados estatísticos oficiais que permitam conhecer, com rigor, a realidade do problema do consumo de álcool e drogas ao nível da população enquadrada profissionalmente.

Muito menos conhecemos a sua incidência por sectores de atividade. Desconhece-se, inclusive, o número exato de empresas que têm regulamentos escritos relativos às drogas e ao álcool e os respetivos moldes de intervenção sobre a problemática.

A única fonte estatística oficial, neste âmbito, é o Inquérito Nacional ao Consumo de Substâncias Psicoativas na População Geral – Portugal, realizado em 2001 e, mais recentemente, em 2007. No entanto, se observarmos a sua estrutura, podemos aferir que nenhuma das questões que o constituem se encontra direcionada para a ligação entre “consumo de substâncias psicoativas e trabalho”.

Na análise dos resultados do questionário EWCO sobre álcool e drogas em meio laboral são sinalizados alguns estudos recentes sobre a temática, os quais importa referenciar.


Este estudo focaliza o uso de álcool na construção e obras públicas e baseia-se num questionário dirigido a 100 trabalhadores e nas suas perceções sobre o risco associado ao uso de álcool no local de trabalho.


Este estudo confere ênfase ao uso de álcool e drogas em diversos setores. Apresenta resultados recolhidos a partir de 52 organizações. Os métodos incluem um questionário e entrevistas individuais e de grupo.

Alexandra Lucas (2009) "O Alcoolismo nasOrganizações - Estudo de Caso da TAP". Estudo de caso com ênfase no uso de álcool na TAP - Transportes Aéreos Portugueses. Este estudo de caso é baseado em entrevistas com dois assistentes sociais da TAP.

0 comentários:

Postar um comentário